Exercício físico pode reduzir o risco de doença renal em diabéticos

Estudo publicado na “American Journal of Physiology-Renal Physiology”

13 dezembro 2018
  |  Partilhar:
O exercício físico aeróbico poderá reduzir o risco de doenças renais relacionadas com a diabetes, indicou um estudo.
 
Os pacientes com diabetes de tipo 2 apresentam frequentemente doenças renais associadas à doença, especialmente os que são também obesos e não praticam exercício físico regularmente.
 
Os marcadores precoces da doença renal relacionada com a diabetes passam por níveis elevados de proteína na urina e uma menor capacidade de os rins filtrarem os resíduos na corrente sanguínea.
 
As doenças renais crónicas podem provocar um desequilíbrio nos minerais do organismo, em particular nos ossos. Por sua vez, alterações no conteúdo de minerais nos ossos poderão contribuir para doenças como a osteoporose.
 
Para o estudo, os investigadores da Universidade de Granada, em Espanha, conduziram ensaios clínicos em dois grupos de ratazanas que incluíam uma combinação de roedoras magras e obesas, para observarem os efeitos do exercício físico sobre os fatores de risco das doenças renais.
 
Um dos grupos, o do exercício físico, foi posto num tapete rolante durante 45 a 60 minutos, cinco dias por semana. O outro grupo, o sedentário foi apenas treinado durante 15 minutos, duas vezes por semana, de forma a simular um estilo de vida sedentário humano.
 
A equipa observou um melhoramento na saúde dos vasos sanguíneos e na função renal em geral nas ratazanas do grupo do exercício físico. 
 
Por sua vez, as ratazanas obesas de ambos os grupos apresentavam endurecimento ou fibrose das artérias renais, um aumento da proteína na urina e depósitos de gordura nas estruturas de filtração dos rins. Contudo, as ratazanas obesas do grupo do exercício físico evidenciavam índices menores em relação às roedoras obesas sedentárias. 
 
Os investigadores concluíram que um programa de exercício físico aeróbico poderá ser uma boa estratégia face a alterações na estrutura dos rins e de parâmetros urinários causados pela obesidade e desenvolvimento de doença renal relacionada com a diabetes em ratazanas obesas.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Comentários 0 Comentar